Direção hidráulica – menos esforço mais satisfação

Os mecanismos da Direção hidráulica são sistemas usados para multiplicar a força exercida.

Você já notou os macacos com pistões usados em oficinas?
Viu como é fácil levantar um peso bem grande e, que para isso aplicamos uma pequena força na alavanca? Isto chama-se princípio Pascal.

Com a direção hidráulica ocorre o mesmo. Ao girar o volante, exercemos uma força em uma das extremidades, mais precisamente no volante e, esse esforço é transmitido para o fluído hidráulico, contido em canais e tubulações, da caixa de direção hidráulica e, finalmente amplificada esta força, dirigida para as rodas do veículo.

A bomba de direção hidráulica é o que fornece a pressão necessária para determinar o movimento leve e que proporciona a ampliação da força empregada.

Há também uma válvula especial, que abre e fecha de acordo com o movimento empregado ao volante do carro e, que ao abrir direciona o óleo sob alta pressão a um pistão que, por sua vez, aciona a barra de direção.

como-funciona-a-direcao-hidraulica

Da Bomba Direção hidráulica saem duas tubulações: uma que direciona o óleo até a Caixa de Direção hidráulica e a outra que o traz de volta. A válvula mencionada anteriormente está localizada na Caixa de Direção Hidráulica.

O que determina por onde deve caminhar o óleo e, qual o efeito que ele vai exercer são as posições da válvula.

Deixe uma pergunta